A Nevasca

Cris Lacerda

Uma nevasca estava a caminho e os habitantes de um certo lugar procuram recolher-se ao abrigo de seus lares, quando de dentro da janela um homem vê uma roseira carregada de botões.

Ele, intrigado, decide-se ter com ela.

Diz-lhe: - Sua insana, não percebeu que estamos em pleno inverno?

Ela, humildemente responde:

— Que culpa tenho se dentro de mim é sempre primavera?