Como

Lembranças

Um velho sábio chinês estava caminhando por um campo de neve, quando viu uma mulher chorando.

Dirigiu-se a ela e perguntou :

— Porque choras ?

— Porque me lembro do passado, da minha juventude, da beleza que via no espelho... Deus foi cruel comigo por me fazer lembrar.

Ele sabia que, ao recordar a primavera da minha vida, eu sofreria e acabaria chorando.

O sábio, então, em silêncio ficou contemplando o campo de neve, com o olhar fixo em determinado ponto...

A mulher, intrigada com aquela atitude, parou de chorar e perguntou :

— O que estás vendo aí ?

— Eu vejo um campo florido, disse o sábio. Deus foi generoso comigo por me fazer lembrar.

Ele sabia que, no inverno, eu poderia sempre recordar a primavera e sorrir.

Colaboração: Renato Antunes Oliveira